No último desafio antes do início das Olimpíadas, a Seleção Brasileira de Futebol Feminino levou a melhor contra as australianas e venceu a partida realizada neste sábado por 3 a 1, no estádio Presidente Vargas, em Fortaleza. A vitória veio no segundo tempo, com direito a dois golaços marcados por Raquel e Darlene.

Com a ausência de algumas titulares que foram poupadas, como Fabiana e Formiga – que entrou nos últimos minutos da partida -, e o bom desempenho das atletas que as substituíram, o técnico Oswaldo Alvarez reafirmou sua confiança nas convocadas. “Foi um jogo muito forte, com alta intensidade, como a gente esperava. Um amistoso na hora correta para que a gente pudesse ter uma ideia do nosso estágio. Por um lado, lamentamos a ausência de algumas atletas que resolvemos poupar. Por outro, as atletas que substituíram as titulares foram muito bem, provando que estamos muito seguros da convocação que fizemos”.

O treinador lembrou que por ser uma lista reduzida, era necessário ter atletas versáteis para compor o elenco. “Hoje pudemos testar a Andressa Alves pelo meio, jogando como segunda volante. Das convocadas, quatro ou cinco atletas são polivalentes, com uma versatilidade importante e hoje, a Andressa provou isso”.  Apesar da boa apresentação da Seleção, Vadão é cauteloso e sabe que não é o momento para empolgação. “Foi muito bom, valeu a pena. Mas, foi um amistoso. Não podemos nos empolgar.”

O Brasil estréia contra a China, no dia 03 de agosto, no estádio Nilton Santos, às 16h.

 

(Foto: Ricardo Stuckert/CBF)