Com 100% de aproveitamento nos Jogos Pan-Americanos de Toronto e classificado para as semifinais, o técnico Oswaldo Alvarez tem dois desafios pela frente: o jogo contra o México, nesta quarta-feira, e a recuperação das atletas para a sequência do Pan.

O adversário já foi estudado e, segundo o treinador, o contra-ataque é a principal arma das mexicanas. “Enfrentaremos uma seleção que joga muito bem no contra-ataque, com uma marcação forte dentro do seu campo, procurando sempre um erro do adversário”. Para Vadão, a maior preocupação é lidar com o desgaste das atletas. “Nós estamos muito bem fisicamente, porém o desgaste é grande. Nossa preocupação é com a recuperação das jogadoras para que possamos chegar à disputa da medalha de ouro”.

A Seleção Brasileira enfrenta o México nesta quarta-feira, às 18h35.

 

(Foto: Rafael Ribeiro/CBF)