Após estrear com vitória no Pan-Americano de Toronto no último sábado, quando derrotou a Costa Rica por 3 a 0, a Seleção Brasileira, comandada pelo técnico Oswaldo Alvarez, já estudou seu próximo adversário na competição: o Equador.

O treinador espera um jogo complicado, já que as adversárias têm, por característica, um sistema defensivo eficiente na faixa central do campo. “Teremos um jogo difícil pelo estilo do adversário que exerce um bloqueio forte na faixa central do campo, o que vai nos obrigar a utilizar como alternativa o ataque pelas laterais, como fizemos na última partida”.

Apesar da expectativa, Vadão está confiante em mais uma vitória e ressaltou o bom preparo físico da equipe e o revezamento na criação das jogadas entre Formiga e Thaísa. “Nosso time está muito bem fisicamente. Além disso, gostei muito do revezamento da Thaísa e da Formiga na criação e infiltração das jogadas. Usamos muito bem as laterais do campo. Fomos eficientes na bola parada e continuaremos insistindo nos treinamentos”, concluiu.

O Brasil lidera o Grupo B. Uma vitória, nesta quarta-feira, poderá garantir a classificação para a fase final do Pan.

 

(Foto: Fifa/Getty Images)